20 de maio de 2010

Bravo, Falcao!

Todos nós sabemos que o título de melhor marcador da Liga fugiu a Falcao por um golo, mas isso pouco ou nada muda na grande época do nosso goleador.

Na sua primeira temporada na Europa, Falcao marcou 33 golos em 43 jogos oficiais com a camisola do FC Porto. Foram 4 na Liga dos Campeões, 3 na Taça de Portugal, 1 na Taça da Liga e 25 na Liga Sagres.

O nosso camisola 9 manteve uma bela e emocionante discussão pelo título de goleador da Liga até à última jornada com Cardozo, mas acabou por não ser dono da sorte. Mesmo assim conseguiu acompanhar, e por vezes ultrapassar, o seu directo rival que, embora este ano nem tenha sido muito feliz nesse aspecto, é um especialista em bolas paradas e jogava pela equipa que teve o melhor ataque do campeonato.

Falcao provou ser o melhor ponta-de-lança a jogar em Portugal. Um matador como o FC Porto não tinha desde os tempos do Super Mário Jardel. Mas fez mais que isso. Além dos golos ainda arranja tempo para trabalhar para a equipa, seja a defender ou a atacar.

Não ficou para a história deste campeonato como sendo aquele que mais golos marcou, mas ficou como sendo aquele que marcou o mais belo de todos eles: