12 de maio de 2010

O Rolo Compressor

Nota prévia: Este post contém revelações que podem ser consideradas chocantes.

Foi sem grande admiração que, ao longo desta época, vi a imprensa em geral eufórica em volta do Benfica. É normal que assim seja quando o auto-intitulado maior clube do mundo tem a hipótese de vencer alguma coisa. Só não é normal que se use todo o tipo de artimanhas para para promover uma equipa. Desde "Máquina trituradora", passando pelo "Colosso que despertou", até ao famoso "Rolo compressor". Estes e outros nomes foram sendo atribuídos ao longo da época a uma equipa que, tirando os 8-1 ao Vitória de Setúbal, apenas fazia uma campanha normal de um candidato ao título.

Essa equipa avassaladora apenas conseguiu confirmar o título de campeão na última jornada da liga. Essa mesma equipa, segundo os estatísticos, é o melhor campeão dos últimos 15 anos. Mas o que os homens da estatística nos escondem (ou pelo menos tentam) é o seguinte:

- O Benfica acabou o campeonato com 78 golos marcados e 20 sofridos.
- O FC Porto, 3º classificado, acabou com 70 golos marcados e 26 sofridos.
- O Benfica acabou, ou muitas das vezes quase começou, 13 das 30 jornadas a jogar contra 10 ou contra 9.
- O FC Porto viu-se privado de utilizar Hulk, um dos seus melhores jogadores, senão o melhor, injustamente durante 17 jogos.
- O Benfica e o SC Braga foram favorecidos pela arbitragem em alguns momentos cruciais.
- O FC Porto foi prejudicado pela arbitragem em momentos também cruciais.
- O Benfica acabou o campeonato sem ter vantagem no confronto directo contra o 2.º e 3.º classificados.

Concluindo, este Benfica tem realmente uma boa equipa e um bom treinador, mas não é esse bicho papão que nos querem enfiar pela goela abaixo. Acabou por vencer o campeonato em condições excepcionais, mas na próxima época tudo voltará à normalidade e o FC Porto será campeão com menor ou maior dificuldade.

O Benfica que se prepare para uma forte retaliação do FC Porto para recuperar o estatuto de campeão. Recomendo aos encarnados que desta vez tenham mais cuidado porque os elementos da equipa portista não se vão deixar apanhar em emboscadas ou em qualquer tipo de armadilhas. E ficou provado no Dragão que não é pelo simples facto de nos obrigarem a jogar uma parte em inferioridade numérica que nos conseguem vencer. Para o ano tentem usar outro esquema qualquer ou expulsar dois jogadores em vez de um só.

E agora finalizo ao estilo da Betclic: FC Porto campeão 2010/2011. Vai uma aposta?