12 de maio de 2011

Os invejosos

Hoje, ao chegar a casa do trabalho, deparei-me com esta notícia do "jornal" A Bola. Para ler a notícia siga este link. Não vou transcrever o texto para o blog para não enojar as pessoas mais sensíveis.

Depois do apuramento do FC Porto para a final da Liga Europa, depois da confirmação de que o FC Porto seria cabeça-de-série na Liga dos Campeões da próxima época e, principalmente, depois da decisão do Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa, era preciso atirar mais alguma areia para os olhos dos mais fanáticos. Sim, porque já só os fanáticos se deixam enganar! Entretanto o FC Porto emitiu um comunicado poupando-me assim ao trabalho de provar o óbvio: o vídeo é falso e feito à pressa! Veja abaixo o comunicado do FC Porto.

«O desespero

Com papas e bolos se enganam os tolos. Os invejosos voltaram à única coisa em que se distinguem – a maledicência –, com a insipiência do costume, é certo, para tentarem, fora do campo, o que não conseguem dentro das quatro linhas. Um clássico.

Ontem mesmo, no dia em que foi conhecida mais uma sentença da Justiça, favorável a Jorge Nuno Pinto da Costa e ao FC Porto, foram colocados no YouTube dois áudios (um em português, outro em inglês, e viva o luxo) do ex-árbitro Jacinto Paixão, em que este acusa o FC Porto de o contactar para prejudicar o Benfica num jogo no Estádio da Luz, com o Moreirense, disputado no final de Fevereiro de 2004.

Ainda hoje o FC Porto agradece às alminhas que esse jogo tenha terminado 1-1, pois foi esse resultado que permitiu uma vantagem na classificação de 14 pontos sobre o terceiro classificado, contra os escassos 12 antes da jornada se disputar, isto à 24.ª ronda. Um alívio.

Jacinto Paixão é mentiroso. Mente com todos os dentes e a ficção voga à medida dos interesses momentâneos dos desesperados desta vida. Em Dezembro de 2010, Jacinto Paixão foi entrevistado na BenficaTV e o que disse ele então? "Ouvi falar de viagens pagas, não sei se é verdade", mas agora, numa alegada gravação de 2004, ontem cirurgicamente divulgada, diz que o FC Porto lhe pagou uma viagem a Marrocos... Curiosamente, Jacinto Paixão apresenta-se na dita gravação de 2004 como ex-árbitro, função que abandonou em Março de 2006. Um visionário, portanto. Até a mentir são muito fraquinhos.

Não nos espanta que estas notícias surjam a menos de uma semana do FC Porto disputar mais uma final europeia, o mesmo já tinha acontecido aquando das meias-finais, com uma notícia do jornal Marca, sabe-se com que intuito. Para os mais esquecidos, sabem qual foi o resultado? Quem foi possível identificar vai ser processado e o FC Porto apurou-se para a final, enquanto outros acabaram envergonhados, a pedir desculpas aos próprios adeptos.

Se alguém tem dúvidas da origem destas sucessivas mentiras basta recordar quem foi, em tempos, o advogado que representou Jacinto Paixão. António Pragal Colaço, conhecido por apelar à violência contra os adeptos do FC Porto em plena Benfica TV.

Como ainda a semana passada cantava uma claque ilegal, quando uma equipa chegou de mais uma derrota: "Joguem à bola..."

PS: O jornal i noticiou hoje que o Benfica suspeita de espionagem e que o FC Porto leia os seus mails. Descansem, não somos assim tão perversos, para nossa diversão basta ler os jornais "A Bola" e "Correio da Manhã".»

Veja agora os vídeos em questão.

Versão em português:


Versão em inglês(!):


O desespero é cada vez maior. As máscaras começaram a cair...