21 de fevereiro de 2012

Acabem com isto!


Christian Atsu e Urretaviscaya são os dois últimos nomes de uma polémica que tem tanto de estúpida como de inútil. Ambos os jogadores não defrontaram os seu clube-mãe, sendo que Atsu foi por lesão (ou alegada lesão) e Urreta foi por doença (ou alegada doença). Se tanto a lesão como a doença eram realmente verdadeiras não sei, mas toda esta especulação era desnecessária.

A regulamentação (ou falta dela) em relação aos empréstimos de jogadores entre clubes da mesma divisão em Portugal é preocupante. Penso que chegou a hora de impor um limite de jogadores emprestados por plantel e, o mais importante de tudo, proibir os jogadores que estejam emprestados de defrontar os seus patrões. Assim acabavam as possíveis "habilidades" e toda a polémica em volta delas.

Senhores da Liga, acabem com esta palhaçada. Por favor.