1 de março de 2013

Em Alvalade para ganhar


Depois de conhecida a convocatória de Vítor Pereira para a deslocação a Alvalade, o universo portista ficou de imediato em sobressalto devido à não inclusão de João Moutinho na mesma. O internacional português lesionou-se no último treino que antecede o clássico, ficando assim indisponível para ajudar o FC Porto na conquista de mais três pontos na luta pelo título.

É inegável a importância de João Moutinho para a equipa, mas não me parece ser uma situação que justifique uma mudança tão brusca na confiança para este jogo. Se até ao dia de hoje sentia que os portistas, num modo geral, achavam que ia ser um passeio por Lisboa - chegando às vezes a parecer que íamos defrontar uma equipa de um escalão inferior -, depois de conhecida a lesão do Moutinho, dá a sensação que vamos a Old Trafford defrontar o Manchester United e que o Defour se vai estrear agora com a camisola do FC Porto. O Defour já deu provas da sua qualidade e estou certo que será um substituto à altura para o português. Resta-nos agora esperar que a lesão do Moutinho não seja muito grave e que este recupere depressa e bem. Principalmente bem.

Quanto ao jogo em si, é daqueles dos quais nunca se pode esperar grandes facilidades. Estamos a falar de um rival histórico que, por muito mal que possa estar, vai querer aproveitar este jogo para limpar um pouco a sua imagem. Toda a gente sabe que qualquer equipa tem sempre uma motivação extra quando defronta o FC Porto e o Sporting não será excepção. Estou confiante na vitória e estou certo que se jogarmos com respeito pelo adversário e com intensidade, com maior ou menor dificuldade, a vitória será nossa.