28 de outubro de 2013

Inqualificável

Depois de ontem a CMTV ter distorcido a verdade ao afirmar que foram elementos dos SuperDragões, vestidos de preto e cinzento, a provocar e a agredir em plena Alameda do Dragão outros portistas - como se isto fizesse sequer algum sentido... -, hoje o Record diz na capa que os "adeptos leoninos foram recebidos à pedrada".

Já todos sabemos que o Grupo Cofina não morre de amores pelo FC Porto, mas é absolutamente vergonhosa a forma como os incidentes foram relatados. Depois de um mau resultado (leia-se vitória do FC Porto) para o público alvo daquela publicação, o jornal dirigido por João Querido Manha resolveu mentir descaradamente para agradar àqueles que contavam com uma bom resultado do Sporting no Dragão.

Nem eram adeptos os SuperDragões nem foram recebidos à pedrada. Eram adeptos do Sporting, organizados, que chegaram ao local e decidiram "varrer" quem lhes apareceu pela frente. Como é óbvio, ninguém gosta de apanhar porrada e os portistas presentes responderam às agressões na mesma moeda. Foi o que aconteceu e está confirmado pela PSP.


Assim se tenta, uma vez mais, atribuir  em exclusivo aos portistas os actos de violência, ao mesmo tempo que tentam desviar as atenções após uma vitória incontestável dos tricampeões de Portugal. Como se pode ler em nota publicada no site oficial do FC Porto, é contra a manha desta gente que a nossa equipa trabalha.