29 de setembro de 2014

Portismo Moderno e Nojento

Venho por este meio prestar a minha solidariedade com o(s) autor(es) do blog, ou site, ou o que lhe quiserem chamar, que se viu enxovalhado publicamente, via facebook, por alguém que anuncia com pompa e circunstância ser, desde 2004, o Supporters Liaison Officer do FC Porto. Assim mesmo, em inglês e tudo para ter outro impacto.

Já não é a primeira vez que me dirijo a este tipo de portistas, já o fiz no passado (ler aqui e aqui) e faço-o hoje de novo. E não estou a falar dos bloggers, mas sim daqueles que, talvez por se acharem superiores aos outros por causa do tacho cargo que ocupam, se sentem no direito de decidir que é e quem não é um verdadeiro portista.

Pela primeira vez desde que ando pelo mundo da Internet me apercebo que um blog foi fechado directamente por pressões de alguém ligado ao clube. O blog Tactical Porto (tacticalporto.com) foi atacado directamente pelo Fernando Saul e por coincidência (chamemos-lhe assim) deixou de estar disponível pouco tempo depois. O texto da pessoa responsável pela ligação entre o FC Porto e os adeptos na integra:

«Onde isto irá parar....
A última novidade é uma tal de página chamada tactical porto de alguém que se diz portista e onde explica como o porto jogo as tácticas ofensivas e defensivas...
Um conselho ofereçam-se aos rivais já que a vossa função é desmontar o porto tacticamente e são tão bons que de certeza que lá terão lugar ...
A vergonha tem limites em vez de termos páginas de portistas contra os outros temos contra nós!!!!
Isto é que se chama o portismo moderno e nojento com o qual não me identifico.
Já que são tão bons em análise táctica analisem os pênaltis ,foras de jogo e expulsões perdoadas ao carnide, isso sim é ser por nós e pelo nosso porto!!!!»


Nem vou entrar pela via fácil de dizer que esperava que uma pessoa que ocupa um cargo desta importância soubesse escrever, prefiro concentrar-me na forma prepotente como este usou a audiência que foi ganhando no facebook pelo simples facto de berrar no Dragão para um microfone para calar um portista - que também representa perante a restante direcção do clube - porque expôs num blog algumas das evidentes debilidades tácticas do Porto de Lopetegui.

Se o blog era assim uma ameaça tão grande para o clube e uma arma para os adversários, suponho que estivesse totalmente certo. Assim sendo, penso que seria mais produtivo optar pela contratação do autor para que auxiliasse a restante equipa técnica em vez de o acusar de ser um mau portista ou até mesmo um adeptos de outro clube.

Numa coisa concordo com o nosso "Liaison Officer", há algum tempo que anda no ar um portismo moderno e nojento que faz da opressão e da censura a maior arma.