18 de fevereiro de 2015

Bom treino para o Bessa

O empate na Suiça foi um mal menor para um FC Porto que dominou por completo durante os 90 minutos e que viu o adversário marcar no primeiro e único remate feito à baliza de Fabiano. Por momentos cheguei mesmo a pensar que estava perante um jogo a contar para o campeonato, tal foi a atitude do Basileia e a má qualidade da arbitragem. Penálti por marcar sobre Jackson; segundo amarelo por mostrar a Walter Samuel; passividade perante as faltas no limite entre o duro e o violento da equipa da casa; e uma eternidade para decidir se o golo do Casemiro era válido ou não. Aliás, ainda estou à espera que o árbitro decida definitivamente que o golo do Danilo é válido, não vá ele mudar de ideias em relação ao penálti já com o jogo terminado...

Do jogo só não gostei da tendência excessiva que o FC Porto tem para jogar pelos flancos, da lesão do Óliver e do facto de Alex Sandro se ter juntado a Marcano e Maicon na lista de jogadores a um cartão amarelo de ficarem um jogo de castigo. Se a forma de jogar é uma opção do treinador e as lesões imprevisíveis, não há muito a comentar, mas em relação aos cartões amarelos a situação podia e devia estar muito mais controlada como tive oportunidade de aqui escrever há alguns meses atrás.

Seguem-se agora Boavista, Sporting e Sp.Braga em jogos a contar para o campeonato. É fundamental vencer estes jogos para continuar a pressionar o Benfica e para descolar definitivamente do Sporting. Depois sim será tempo para pensar no jogo da segunda mão frente ao Basileia.