28 de fevereiro de 2015

«Os outros é que têm que se preocupar com os nossos resultados»

Jorge Jesus diz não estar interessado no jogo falado, mas não se coibiu a alegar que o FC Porto havia vencido o Penalfiel de forma irregular. É óbvio que o treinador do Benfica sabe que isso é mentira e está consciente de que o trabalho que desenvolve no Seixal tem sido bem complementado com o trabalho desenvolvido pelos árbitros. Jorge Jesus diz não saber do que fala Lopetegui, se o treinador basco algum dia decidir explicar poderemos assistir a uma das conferências de imprensa mais longas da história do futebol, tal foram os jogos e os casos onde o Benfica foi beneficiado directa ou indirectamente.

De facto, Jorge Jesus está coberto de razão quando diz que são os outros que têm que se preocupar com os resultados do Benfica. Só esta época, e apenas em jogos do campeonato, já vi a preocupação com os resultados dos encarnados em Marco Ferreira, João Capela, Luís Ferreira, Vasco Santos, Hugo Miguel, Manuel Mota, Bruno Paixão, Paulo Baptista, Manuel Oliveira e Jorge Ferreira. Todos eles, alguns com a ajuda dos árbitros assistentes, erraram de forma grosseira nos jogos do Benfica e sempre em favor das águias.

Claro que quem tem um staff destes por trás só pode estar confiante. Quem não estaria sabendo que tem um joker em campo com o poder de expulsar jogadores à equipa adversária ou marcar penáltis a favor mas nunca contra? O Benfica tem essa "sorte" e talvez só quem joga contra o FC Porto se possa gabar do mesmo. Começa a ser difícil desmentir isto, daí o treinador encarnado ter sentido necessidade de recorrer à mentira.

Jorge Jesus afirma que o Benfica tem feito um trajecto espectacular. Espectacularmente vergonhoso, diria eu.